Planeje a sua campanha de fim de ano

Natal no Mercado Livre: como se destacar e vender mais

Com a chegada do 13º salário, festas de fim de ano, férias e confraternizações, as pessoas estão mais motivadas a comprar. Se você vende pelo Mercado Livre, pode estar se perguntando como se diferenciar e faturar em uma data com tanta concorrência quanto o Natal.

Planeje a sua campanha de fim de ano

O fim do ano é um período desafiador para quem trabalha com vendas, especialmente devido à proximidade da Black Friday com o Natal. Por outro lado, essa época pode ter um impacto muito positivo no seu caixa – basta ter estratégia e planejamento.

Para ajudar você a superar todos os desafios e vender muito no Natal, conversamos com Vinícius Victor Silva, especialista em e-commerce e CEO da VVS Consultoria, que tem certificado Platinum pelo Mercado Livre.

Estratégias para vender no Natal pelo Mercado Livre

A seguir, explicamos os preparativos necessários para vender no Natal pelo Mercado Livre. Cuide de cada detalhe para aproveitar todo o potencial da data, assim você garante uma estratégia comercial de sucesso e encerra o ano com o seu caixa no azul.

 

Planejamento estratégico

Antes de qualquer coisa, o primeiro passo é entender o contexto e as particularidades da data. O fim do ano é um período importante para todos os nichos de mercado, e não só por causa das festividades, mas devido ao 13º salário. 

Também é fundamental pensar mais à frente: janeiro e fevereiro são meses complicados, com queda nas vendas e muitas contas a pagar. Com isso, o primeiro conselho que o especialista Vinícius Victor Silva dá é planejar o fluxo de caixa dos próximos meses de forma a criar uma gordura para reinvestir e alcançar o próximo nível.

Além disso, a Black Friday precisa fazer parte da sua estratégia de fim de ano. Segundo o especialista, a data é uma oportunidade de trazer visibilidade para a sua conta e aparecer mais no Mercado Livre, preparando o terreno para as vendas de Natal.

“No que diz respeito à Black Friday, notamos clientes colocando em oferta majoritariamente um ou dois produtos genéricos e que vão vender muito, vão ser chamariz e trazer relevância para a conta. A própria Real Trends indica quais produtos estão em evidência”, explica Vinícius.

Para o craque em e-commerce, entender a lógica do algoritmo do marketplace é indispensável. Ele afirma que o tripé estratégico do Mercado Livre é composto por: 1) Mercado Envios Full; 2) Ads (anúncios patrocinados) e 3) Central de promoções. Entramos em detalhes mais adiante.

Estoque

Com anos de experiência no marketplace, Vinícius é enfático: ruptura de estoque é o maior pecado que um vendedor pode cometer no Mercado Livre. E o prejuízo é maior ainda em datas importantes como o Natal. Por isso, estruture-se para comprar seus produtos antes que acabem.

“Grande parte dos empreendedores são movidos a comprar depois que acaba, aí a conta não sai da estagnação”, alerta. Para evitar perder vendas e cair no ranking do Mercado Livre, o especialista indica fazer uma equação considerando os seguintes fatores:

  1. Quantos dias você leva para fazer o pedido de compra.
  2. Quanto tempo demora o processo de compra (resposta do fornecedor, negociações, pagamento etc.).
  3. Quanto tempo o fornecedor leva para entregar os produtos.

O CEO da VVS Consultoria também pontua que logística tem tudo a ver com sazonalidade e que é importante olhar para o histórico de vendas e estimar as futuras conversões. “Conseguimos entender isso usando a Real Trends, que permite analisar o giro dos anos anteriores em determinado produto e entender a projeção de vendas”, diz.

Além disso, vale ficar de olho nos dados do Mercado Envios Full, caso você use. “O Full tem um dashboard que apresenta 5 indicadores de performance: se teve ruptura ou não, se teve estoque que excedeu, se tem produtos com mais de 30 dias no Centro de Distribuição. Se esses indicadores estiverem ruins, o Full deixa você enviar cada vez menos produtos”.

Com tudo isso em mente, planeje bem sua reposição de estoque, escolha com cuidado os fornecedores e faça aquisições com preços competitivos. Nas palavras de Vinícius, “o melhor vendedor não é o que vende mais, é o que compra melhor”.

Logística

A meta é que durante o Natal a quantidade de pedidos recebidos seja maior do que o habitual, certo? Por isso, é fundamental planejar uma logística de envios adequada. 

Organize-se para cumprir com os prazos de envio do Mercado Livre, essenciais para ter uma boa reputação e, eventualmente, conquistar as medalhas de MercadoLíder. Aí vão algumas sugestões:

  • Se estiverem disponíveis na sua região, use os serviços logísticos do Mercado Livre. Há três opções: Mercado Envios Full, Mercado Envios Flex e Mercado Envios Coleta. Veja qual se adequa melhor às suas necessidades.
  • Analise se você vai precisar de ajuda adicional nesses dias. Vale contratar uma empresa extra para evitar imprevistos e garantir o cumprimento dos prazos de envio.
  • Garanta que você tem tudo o que precisa na quantidade certa: embalagens, etiquetas etc.
  • Elabore uma logística que garanta uma rápida impressão de etiquetas, preparação das encomendas e envio.

Vinícius explica que anúncios que oferecem Mercado Envios sempre têm mais visibilidade no marketplace. “O Mercado Livre está 110% focado na experiência do comprador. Se você trabalha sem Mercado Envios, o Mercado Livre não consegue garantir que o produto será entregue a tempo e o seu anúncio vai ter menos exposição”, afirma.

Tudo sobre Mercado Envios

Anúncios

Criar anúncios completos, informativos e de qualidade fará toda a diferença na sua taxa de cliques e no número de conversões. Veja como:

  • Coloque fotos de qualidade, em que o produto seja o protagonista, com fundo branco, sem banners, marca d’água, texto ou QR Code.
  • As descrições dos seus produtos devem estar muito bem detalhadas e, assim, você vai evitar perguntas futuras. 
  • Escolher boas palavras-chaves também impacta muito a posição do seu anúncio. Elas devem representar o seu produto e destacá-lo de outros vendedores.
  • As fichas técnicas completas fazem a diferença. Se o seu produto apresenta todas as informações necessárias, isso o colocará em uma posição melhor nas listas e o clique em ‘Comprar’ é quase certo.
 

Publicidade

Segundo o especialista, os anúncios patrocinados são um dos tripés estratégicos para alavancar o seu negócio na plataforma. O próprio marketplace afirma que investir no Product Ads, ferramenta de publicidade do Mercado Livre, aumenta as vendas em 25%.

Ao usar o Product Ads, seu anúncio é identificado com a palavra ‘Patrocinado’ e ganha um posicionamento melhor no ranking. Mas Vinícius aconselha que, antes de investir em publicidade, é preciso “fazer um arroz e feijão bem feito”.

“O Mercado Livre tem 3 mídias: mídia própria (anúncios Clássico ou Premium; ficha técnica; fotos, Mercado Envios etc.); mídia conquistada (vendas, avaliações, medalhas, indicadores); e mídia paga. Não adianta investir em mídia paga se as duas primeiras estão ruins”, destaca o consultor. Por isso, volte duas casas e capriche nos seus anúncios!

Precificação

Esse é um dos temas mais espinhosos para muita gente que trabalha com vendas. “A maioria dos vendedores não precifica da forma correta no Mercado Livre”, confirma o CEO da VVS Consultoria. 

Mas calma, nem tudo está perdido. O especialista sugere uma equação básica de precificação para conseguir ter uma previsão da lucratividade: custo de aquisição do produto + margem de lucro + taxas e comissão do Mercado Livre + valor do frete + impostos. 

Dica: com a ferramenta Preços automáticos da Real Trends, você mantém seus preços competitivos e atualizados no Mercado Livre. Basta escolher anúncios de concorrentes que você deseja acompanhar e estabelecer limites mínimo e máximo.

Além da precificação, é importante entender o fluxo de caixa, ou seja, o tempo que o dinheiro das vendas no Mercado Livre leva para ficar disponível e o risco de chargeback – principalmente em datas como o Natal. Vinícius também explica que é necessário avaliar exatamente de quais produtos vem o valor na conta e que parte dele realmente é lucro.

“A maioria dos empreendedores tem medo de investir porque não sabe na realidade quanto ganha, ou seja, o vendedor tem um certo valor no Mercado Pago, mas não sabe exatamente de onde vem. Não vemos empreendedores usando um sistema que integra o Mercado Pago com as contas a receber”, aponta.

Para ele, entender de contas a receber é essencial para acertar na precificação e conquistar lucratividade, podendo assim reinvestir no negócio e dar os próximos passos.

Promoções

Ofertas relâmpago são uma boa forma de causar senso de urgência nos consumidores e impulsionar as suas vendas no Natal. Uma estratégia tentadora é mostrar o preço original, além do promocional. Ao ver a diferença os seus compradores não poderão resistir! 

Vinícius confirma: “o algoritmo é feito para a lógica do cérebro humano. Se você vê um anúncio que era R$ 150 e agora está a R$ 100, com tantos porcento off, tende a comprar o que está em promoção. Por isso, a melhor estratégia é baixar o preço na Central de promoções, assim o algoritmo vai rankear melhor os seus anúncios”.

Atendimento ao cliente

Oferecer uma excelente experiência de compra fará toda a diferença e ajudará a fidelizar novos clientes no Natal. Por isso:

  • Se puder, nesses dias ofereça horários de atendimento ao cliente estendidos.
  • Analise se você vai precisar de ajuda extra nesse período. 
  • Adiante-se a possíveis dúvidas que os compradores possam ter e responda tudo na descrição do produto.
  • Mantenha-se em comunicação com o seu comprador: avise quando o produto estiver a caminho, informe sobre qualquer demora ou atraso e a data em que o produto será entregue.
  • Cuide também do pós-venda. Fique de prontidão para resolver possíveis problemas, dessa maneira, você evita reclamações e devoluções.

Dica: quer saber como dar respostas rápidas e eficientes no Mercado Livre? Conheça as ferramentas Perguntas e Respostas automáticas da Real Trends e nunca mais deixe seus compradores na mão.

Além de todas as estratégias apontadas acima, preparamos uma lista completa e gratuita com tudo o que você precisa fazer para vender muito neste Natal. A checklist serve para quem vende no Mercado Livre e também em e-commerce próprio. Aproveite!

E, então, o que achou dos conselhos do mestre em e-commerce? Agora é só colocar todas essas estratégias em prática e garantir mais vendas pelo Mercado Livre no Natal. Bom trabalho!

Real Trends

Teste a Real Trends grátis

E aumente suas vendas no Mercado Livre

Deixe seu comentário